terça-feira, 30 de outubro de 2012

 
A Fios e Desafios vai realizar, juntamente com a Associação CAOS Juvenil, uma gala de solidariedade para angariação de fundos para a reconstrução do novo espaço na freguesia de Campanhã.

Esta iniciativa conta com o apoio da Junta de Freguesia de Campanhã e irá realizar-se no auditório da mesma, no próximo sábado, 3 de Novembro, pelas 21 horas.


Apareçam e contribuam para esta boa causa.
 
 

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Casa Nova

Caros Associados e Amigos,

Na atual conjuntura do país e do mundo, onde as desigualdades sociais se agravam e os grupos mais fragilizados da população vão ficando, cada vez mais, arredados do acesso aos recursos socialmente valiosos, a sociedade civil tem de se constituir como elemento dinâmico no combate a estas problemáticas.
É assim que se posiciona a Fios e Desafios, IPSS, acreditando que, quando juntamos esforços e nos empenhamos, todos, numa missão comum, é possível fazer a diferença, minimizar o sofrimento humano e capacitar pessoas e comunidades. 
Recentemente, foi-nos cedido pelo Vitória Sport Club São Pedro de Campanhã um novo espaço, situado na Rua da Levada, n.º 2, 4300-295, na freguesia de Campanhã, que apresenta ótimas potencialidades para desenvolver o trabalho a que nos propomos. Trabalho exigente e ambicioso, é certo mas que, por etapas e com o empenho de todos, será conseguido.


Este espaço, precisa, contudo, para ficar minimamente operacional, de algumas obras de restauração, pois encontra-se relativamente degradado, devido ao desuso. 
Queremos envolver todos nesta missão em que qualquer o contributo, de qualquer a natureza, é importante.
No espírito que norteia esta Instituição, não pedimos donativos em dinheiro para as obras, o trabalho a realizar será feito voluntariamente, envolvendo os associados, a comunidade e os utentes na apropriação deste espaço que é de todos. Mas precisamos de matéria prima, e é neste sentido que nos dirigimos a todos vós, solicitando a Vossa contribuição com (alguns d)os seguintes materiais:
- Tijolo 15 (20m2)
- Cal hidráulica (3 sacos)
- Meia areia (2m)
- Janelas 1mX 0,4m (3)
- Postigo para WC – 0,5m x 0,45m (1)
- Pladur (37m2) + calhas de fixação
- Placas de fibrocarbono (cobertura para telhado) – 5m x 4,80m (2)
- Calha/viga de suporte  - 8 cm x 4cm x 3,70 m (4)
- Tijoleira para chão – 57 m2
- Material sanitário para WC para pessoas com mobilidade reduzida ( sanita, barra de apoio lateral, lavatório, azulejo para chão e paredes)
- Torneiras para WC já existente (3)
                        - Tinta branca para paredes (100L) 

Qualquer ajuda é bem vinda! Divulguem entre Amigos e Familiares e juntem-se a nós!
 
Para contribuir contacte-nos por e-mail ou telefone. Teremos todo o gosto em esclarecer qualquer questão.
Mais informamos que para qualquer contribuição, a  Instituição passará o respetivo recibo de donativo para efeitos das deduções específicas que a atual legislação prevê. 

Abracem o desafio! Vamos construir Solidariedade!
 



quinta-feira, 5 de julho de 2012

II Piquenique Famílias Solidárias


A Fios e Desafios - Associação de Apoio Integrado à Família vai promover pelo segundo ano consecutivo o "Piquenique Famílias Solidárias". Este ano, o piquenique irá realizar-se no Parque de São Roque, na freguesia de Campanhã, com início pelas 12h30 do dia 8 de Julho (domingo).

Por essa razão esperamos contar com a presença dos nossos associados, amigos e respectivas famílias, e que venham com boa disposição e vontade de passar um bom domingo em convívio com as suas famílias.
 
Agradecíamos apenas que quem viesse, confirmasse até amanhã, dia 6, quantas pessoas virão, para que possamos afinar alguns pormenores de última hora. Podem fazer essa confirmação através do nosso email, ou do nosso facebook.

Toda a gente é bem vinda!

domingo, 17 de junho de 2012

Quem somos, o que fazemos, o que pretendemos


A Fios e Desafios - Associação de Apoio Integrado à Família, NIPC 509770452, é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), sediada no centro da cidade do Porto, localizando-se bastante próxima de várias redes de transporte (autocarros, metro e comboios) e apresentando boas vias de acesso.

Foi formalmente constituída em fevereiro de 2011, com o intuito de intervir nas áreas do apoio às crianças e jovens, do apoio à família e do apoio à integração social e comunitária, com os seguintes objetivos:
- Apoiar e proteger crianças e jovens em situação de risco;
 - Contribuir para o desenvolvimento integral das crianças e jovens em risco psicossocial, através da promoção de comportamentos saudáveis e socialmente ajustados, bem como da criação ou facilitação de acesso aos meios necessários ao pleno desenvolvimento pessoal, escolar e profissional. 
 - Sensibilizar e colaborar com as famílias multi-desafiadas e em risco psicossocial na resolução de problemas e exigências do desenvolvimento integrado e sustentado das crianças e jovens;
- Possibilitar o cumprimento eficiente e efetivo das funções parentais;
- Responder a situações de carência das famílias;
  - Contribuir para melhorar a integração social e o nível de bem-estar das famílias;
 - Promover ou contribuir para a criação de estruturas e serviços de apoio à família, no seu meio natural de vida;
 - Fomentar o fortalecimento de relações e vínculos familiares, nomeadamente através da criação de sistemas de proteção que impeçam a desagregação familiar;
 - Proporcionar e estimular, nas crianças e jovens em risco, a vivência de experiências culturais, recreativas e lúdico-formativas, aproveitando as relações com a família, estruturas de ensino e comunidade;
 - Proporcionar condições de integração social dos grupos marginalizados ou mais desfavorecidos da comunidade, com maior risco de exclusão;
 - Promover e aplicar os princípios da igualdade de género dentro da associação, nas famílias e na comunidade;
- Promover o aumento da capacidade teórica e prática da população técnica para responder às necessidades das famílias com crianças e jovens.

Pretende, deste modo, contribuir de forma ativa e intencionalizada para ação social do concelho do Porto, fazendo face ao momento difícil que as famílias se encontram a atravessar atualmente, com recurso a uma intervenção de qualidade e relações humanas ricas.
 
Numa lógica de intervenção integrada, multidisciplinar, multi-familiar, sistémica e ecológica, a Fios e Desafios desenvolve, assim, a sua atividade junto de crianças e jovens em situação de risco e exclusão social, e respectivas famílias, com a missão de as proteger e potenciar a sua capacitação, fortalecimento e bem-estar, promovendo um desenvolvimento mais ajustado e uma efetiva integração social e comunitária.

Enquanto associação sem fins lucrativos, a Fios e Desafios sobrevive a partir das quotas dos associados, de donativos, de actividades de angariação de fundos e de trabalho voluntário. Quer pelo pouco tempo de existência, quer pela difícil conjuntura económica que actualmente se vive, tem sido confrontada com dificuldades objectivas na concretização de algumas atividades e ações a que se propõe. Todavia, “não baixa os braços” e, consciente de que é exactamente em períodos de conjuntura social mais difícil que mais premente se torna a intervenção de organizações desta natureza, tem investido na sobrevivência e o trabalho desenvolvido foi até já reconhecido pela Direção Geral da Segurança Social, através da atribuição do estatuto de IPSS, sob inscrição n.º 15/12, fls. 161, do livro n.º 13 das Associações de Solidariedade Social.

Na linha daquilo que são o os objectivos e o projeto da Instituição, a Fios e Desafios, desde o início da sua actividade, tem vindo a proporcionar àqueles que a procuram ou para a qual são encaminhados, apoio ao nível do aconselhamento e acompanhamento psicológico, jurídico, nutricional, do apoio psicopedagógico e psicoeducativo e da intervenção em terapias complementares, nomeadamente, terapia da fala, em regime gratuito, na maioria das situações.

Tem, paralelamente, desenvolvido outras actividades de caráter lúdico e recreativo que, não obstante serem um meio de divulgação da associação e de angariação de novos Associados e fundos, pretendem proporcionar aos participantes momentos de lazer e convívio e o acesso a actividades e contextos diferentes de socialização.

Em consonância com o Plano de Ação para o ano 2012, a Fios e Desafios pretende continuar a promover as actividades que já vem desenvolvendo, mas também dar início à implementação de outros e projetos e iniciativas que permitam à Instituição estabelecer-se de forma mais robusta e constituir-se como efetiva referência e fonte de apoio psicossocial para um maior número de crianças, jovens e suas famílias, nos seus múltiplos desafios, através de uma intervenção a “tempo inteiro”, mais efectiva e sistemática.

Na medida em que as atividades da Fios e Desafios são levadas a cabo, exclusivamente, pelo trabalho voluntário daqueles que, pela vontade de fazer mais e melhor pelos que maiores dificuldades encontram, dispõem do seu tempo e know how, é muito bem-vinda e necessária a ajuda de todos os que acreditem nesta causa e queiram abraçar o desafio. 

Podem tornar-se Associado da Fios e Desafios,  através do preenchimento e posterior envio da Ficha de Inscrição de Associado e pagamento da quota anual (20€) ou apoiar a Instituição através de donativos monetários (NIB: 001000004626195000129) ou materiais (mobiliário, equipamento, vestuário ou bens alimentares). 

Todo os donativos à Fios e Desafios - associação sem fins lucrativos reconhecida como IPSS- podem ser deduzidos em sede de IRC e IRS, ao abrigo da legislação do mecenato social.

A sua ajuda é extramente significativa para o desenvolvimento e sucesso do Projeto da Instituição, desenhado por uma equipa jovem e empreendedora que pretende, através de intervenções concertadas, intencionalizadas e ativas, fazer mais e melhor ação social com vista ao verdadeiro empoderamento das famílias e da sociedade.

Mais, Melhor, Sempre e para Todos.

Abrace este DESAFIO! Junte-se a nós, traga um amigo!